sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Acompanhe o OBISF e suas últimas ações!






Nessa última semana de novembro o observatório participou e está participando de diversas ações e eventos, então vamos resumir aqui o que andamos fazendo:


No dia 22 de novembro, a equipe do OBSFI participou do seminário : Cidade e Tecnologia – o que é que Floripa tem?’ realizado na Softplan.

O evento reuniu pesquisadores, gestores, empresários, representantes organizações sociais e executivos de grandes instituições em debates que envolvem as áreas de tecnologia, construção civil, infraestrutura, mobilidade, sustentabilidade e participação social. A iniciativa é da Softplan, uma das maiores empresas do Brasil no desenvolvimento de softwares de gestão, e do Movimento Traços Urbanos, formado por um grupo transdisciplinar de pessoas que atuam para a transformação da cultura urbana a partir da revitalização de diversas regiões da cidade, de forma voluntária.

“O objetivo deste encontro o apresentar os recursos tecnológicos nas áreas de construção, sustentabilidade, arquitetura e políticas públicas. A partir desta capacidade já instalada, conhecer esses resultados, levantar outras demandas e discutir novas possibilidades que podem ser desenvolvidas aqui”, explicou a engenheira ambiental Maria José Abramo Gomes, membro do Movimento Traços Urbanos.





No dia 24 de novembro, o doutorando e pesquisador do NISP, Thiago Magalhães apresentou uma palestra no curso de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento -EGC da Universidade Federal de Santa Catarina. Além dos alunos da UFSC, também participaram  do evento alunos do Programa de Pós- Graduação da Universidade Federal de Pernambuco por videoconferência.

A palestra buscou a abordar o processo de criação do OBISF e apresentar a plataforma para os alunos que estudam a temática de inovação social.





No dia 29 de novembro, cerca de 30 pessoas participaram da décima edição do Medita Udesc, oficina de meditação gratuita e aberta à comunidade promovida pelo Laboratório de Educação para a Sustentabilidade e Inovação Social (Leds), da Udesc Esag, em Florianópolis.

A atividade foi ministrada pelo professor Cláudio Senna Venzke (Unisinos) em uma área ao ar livre, em meio a vegetação, e utilizou técnicas com sinos de cristal de quartzo, em harmonia com a música instrumental. A música ficou por conta dos estudantes da Udesc Ceart André de Alexandri Filho, Matheus Vladyr Froés do Nascimento e Riccieri Luis Paludo, e do músico Jota Martins.

Esta foi a última edição do Medita Udesc este ano. Os encontros integraram o Ciclo de Eventos do Leds em 2017 - acompanhe as atividades pela página do Leds no Facebook: www.facebook.com/LedsUdesc/.




No dia 14 de novembro, um grupo de estudos, debates e pautas estratégicas foi formado por especialistas, influenciadores e estudiosos, representando os setores público, privado, universidade e sociedade civil. O encontro foi realizado no auditório da ENGIE Brasil Energia. A Coordenadora do OBISF, professora Graziela Dias Alperstedt participou do evento e fará parte do grupo de estudos.

A proposta é que o grupo tenha encontros bimestrais com duração de duas horas, conduzidos por representantes da Coordenação Estadual do Movimento. O ponto de partida será a apresentação do diagnóstico dos ODS em Santa Catarina.

“O propósito é promover articulação e interlocução com públicos de interesse, apresentar proposições para melhorias nos indicadores, e encaminhar propostas de ação para as partes interessadas, a exemplo do poder público”, salienta Clarissa.



Ainda nesta semana, a equipe do OBISF realizou duas reuniões para formação de parceria e apoio ao projeto do observatório. As reuniões foram realizadas com a Engie Brasil Energia, e a Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

Continue nos acompanhando pelo Blog do Nisp.

Nenhum comentário:

Postar um comentário